7 Ideias de Lembrancinhas para Aniversario

|
Ola mamães como estão? Sumi pois estava sem PC e de ferias no trabalho então não tinha como postar, mais agora estou de volta.

Meu pequeno dia 29/04 completará 04 aninhos e então estamos a procura de ideias de lembrancinhas para o aniversario, e resolvi compartilhar algumas ideias com vocês.


- Potinhos de vidro com tampinhas decoradas em tecido no tema da festinha , podendo rechear com brigadeiro, doce de leite ou até mesmo balinhas. 


- Latinha Mint to Be, podendo personalizar no tema desejado, aqui recheamos com balinhas de coração.


- Cones personalizados no tema, recheamos com chocolate.


- Uma boa ideia também são as sacolas ecologicas, que as mamães vão amar e terá uma excelente serventia.


- Tubetes e Garrafinhas , é uma excelente ideia, personaliza no tema e rechea com MM fica super lindo, eu mesma sempre opto em todas as festinha do Bê.


-Marmitinhas, ficam lindas, podem ser recheadas com inumeras opções, decora a mesa e todos os convidados ficam curiosos para saber o que tem dentro. Na festinha de 01 ano do Bê, coloquei biscoitinhos caseiro de goiaba .


- Livrinho de colorir personalizado no tema com giz de cera


São tantas opções lindas, que podemos fazer uma festinha simples em casa e cheia de personalizados.
Esse ano não iria fazer a festinha, mais o Bernardo cresceu e quis a festinha na escola e em casa, e ainda escolheu o tema, do Mickey. Então estou correndo no tempo, fazendo algo simples em casa e sem gastar muito.

Na internet tem kits digitais prontos que basta editar e levar na papelaria e pronto já tem adesivos personalizados.

Espero que gostem!!

Beijos!

Descubra quando a febre do pequeno se torna um sintoma preocupante

|
Pediatra esclarece dúvidas sobre o sintoma que mais preocupa os pais de primeira viagem

A temperatura normal do nosso corpo se mantém em torno de 36,5°C. Quando atinge os 37,8oC ou mais passamos para o estágio chamado febre e este é o principal indício de que algo não vai bem em nosso organismo. Neste momento, o corpo entende que agentes externos estão lhe atacando e contra-ataca se aquecendo como uma forma de não permitir que uma possível infecção se prolifere. Mas, em que momento a febre passa de um alerta para uma situação preocupante? A pediatra Denise Katz selecionou 5 mitos e verdades sobre o assunto. Confira!

A febre é causada apenas por infecção?

Mito. Na maioria dos casos, a febre em crianças é causada pela presença de alguma infecção, podendo variar entre viral como meningites e encefalites ou bacteriana, como otite, amigdalite, sinusite, infecção urinária. Outras causas menos comuns de febre são as inflamações, doenças oncológicas como as leucemias, doenças autoimunes, etc. Porém, em casos assim a febre é prolongada e chega a durar semanas.

Febre deve sempre ser tratada?

Verdade. A febre merece ser tratada, pois ela induz a uma sensação de mal-estar, dor de cabeça e recusa alimentar. O ideal é combinar hidratação, descanso e medicamentos com efeito antitérmico, como o Ibuprofeno, para aliviar a sensação de mal-estar.

Espero para medicar a criança apenas depois de passar por atendimento médico?

Mito. Recomenda-se medicar a criança que se apresenta com febre, mesmo que ela ainda vá ser avaliada pelo médico, pois isso diminuirá o mal-estar causado pela alta temperatura e, principalmente, o risco de apresentar uma convulsão febril. Em bebês na faixa etária entre 6 meses e 5 anos é comum a ocorrência da convulsão febril, situação que acontece geralmente com a subida rápida da temperatura.

Banho frio trata a febre?

Mito. Banhos mornos e compressas frias fazem parte dos métodos físicos de normalização da temperatura, mas, apesar de serem muito úteis, nem sempre são suficientes no tratamento da criança com febre.

Os sintomas que acompanham a febre são mais alarmantes que a própria febre?

Verdade. A febre é o principal indício de que algo não vai bem. Quando a febre surge sem qualquer outro sintoma, a criança deve ser logo avaliada pelo pediatra. Quando há sintomas gripais, por exemplo, orientamos apenas medicamentos sintomáticos, que ajudam no controle dos sintomas. Já quando a febre dura mais do que 72 horas, torna-se imprescindível a avaliação de um médico e por vezes também a coleta de exames.

Febre em recém-nascidos é uma emergência sempre?

Verdade. Recém-nascidos e lactentes menores de 6 meses exigem que os pais procurem orientação médica com emergência, pois ainda não receberam todas as doses das vacinas consideradas básicas da infância. É importante que os pais fiquem atentos também se os bebês apresentam recusa alimentar, sinais neurológicos como sonolência, olhar parado e convulsões e manchas na pele de aparecimento súbito. Ainda é importante relatar ao pediatra se a febre tiver duração de mais de 3 dias.

Sobre Alivium
Alivium é um produto a base de Ibuprofeno, substância que apresenta ação antitérmica, indicada para diminuição da temperatura corporal e que age também como analgésico na diminuição das dores associadas a resfriados, gripes, torções, pancadas, dores musculares, cefaleia e cólicas menstruais. O medicamento está disponível em apresentações divididas em líquidos (Alivium 100mg Gotas Oral (20ml), Alivium 50mg Gotas Oral (30ml), Alivium 30mg/ml Suspensão (100ml) com seringa dosadora) para o público infantil e apresentações em comprimidos (Alivium 400mg) para adultos.
Alivium - ibuprofeno. MS 1.7817.0807. Indicações: para alívio temporário da dor leve a moderada associada a resfriado comum, dores de cabeça (inclusive enxaqueca e cefaléia tensional), dor de dente, dores musculares, dismenorréia (cólica menstrual), dores articulares e na redução da febre. janeiro/2017

SE PERSISTIREM OS SINTOMAS O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.
SAC: 0800 979 9900
Para mais informações sobre as indicações de Alivium, acesse: http://www.alivium.com.br e acompanhe a marca no Instagram:http://instagram.com/aliviumoficial.

Resenha Linha Phytogen Argan Oil

|
Olá mamães, como estão?? Estava com saudades de vim por aqui, mais agora estou de volta pra valer.

Ano passado recebi um kit da KERT que já é nossa parceira aqui no blog, me mandaram um super kit da Linha Phytogem Argan Oil, e vamos combinar que nos dias de hoje é difícil ficarmos sem oleo de Argan né, então super amei, e hoje venho falar um pouco da linha.

Phytogen Argan Oil é uma linha completa para cabelos ressecados, volumosos e sem vida.
Sua formula balanceada promove a renovação da fibra, hidratando os fios, retendo a umidade natural, restaurando o brilho e a luminosidade dos cabelos, devolvendo maciez, controle do frizz, deixando os cabelos saudáveis e protegidos.



    Recebemos:

- Shampoo
- Condicionador
- Creme de tratamento


- Shampoo Phytogen Argan Oil

+ semi di lino limpa suavemente sem danificar as fibras, nutre e hidrata os cabelos restaurando a umidade, protegendo e adicionando brilho. Transforma os cabelos quimicamente tratados, ressecados e sem vida em cabelos mais brilhantes, maleáveis e fáceis de pentear.

- Condicionador Balsamo Argan Oil

Com sua formula especialmente elaborada a base de óleo de Argan + semi di lino nutre, revitaliza, hidrata e protege os cabelos quimicamente tratados, ressecados e sem vida, devolvendo a umidade natural das fibras, selando a cutícula e reparando as pontos. Resultado, cabelos mais brilhantes, saudáveis e sem frizz.

- Creme de tratamento

Com sua formula enriquecida com Oleo de Argan + semi di lino, sela a cutícula dos cabelos quimicamente tratados, ressecados e sem vida, recuperando as propriedades naturais das fibras capilares através de maior retenção de umidade. Recondiciona os fios e as pontas reduzindo o volume e o frizz tornando os macios e fáceis de pentear. Seu uso continuo mantem os cabelos sempre hidratados com brilho intenso, maleáveis e sedosos. 


O que achei dos produtos:

-Simplesmente maravilhosos, os produtos são super cheirosos, deixando o cabelo com cheiro de limpinho por mais tempo;
- Meu cabelo ficou bem mais brilhante e macio;
- Cabelo bem soltinho;
- O uso da mascara, deixei agir por 15 minutos, quando lavei nem parecia o mesmo cabelo de tao hidratado que ficou.

Super recomendo a linha, experimentem vocês também!

Beijos!!


O QUE É A CONVULSÃO FEBRIL?

|
Ola mamães, como estão?? Sei que a tempos não apareço por aqui, mais são tantas coisas, que me falta tempo, mais juro que estou de volta.
E hoje venho trazer um assunto importante para nos mamães, a convulsão febril, espero que gostem da primeira postagem do ano.



Sempre que uma criança está com febre, os pais vivem a angústia de não saber o motivo e o temor de que, se apresentar febre alta, desencadear uma convulsão. Esse temor realmente tem fundamento, mas apenas uma mínima parcela das crianças com febre irá convulsionar e destas, a grande maioria apresentará um episódio da chamada convulsão febril benigna.

O que é a convulsão febril benigna?
A convulsão febril benigna é uma condição relativamente comum nos prontos-socorros de pediatria. Pode ocorrer dos seis meses aos seis anos, em crianças com predisposição genética em função da variação súbita da temperatura (em geral elevação rápida), mesmo com temperaturas mais baixas ou na melhora da febre. Esse tipo de convulsão ocorre, normalmente, nas primeiras 24 horas de febre e tanto as infecções virais (como gripes, resfriado, diarreias, etc.) como infecções bacterianas (otites, sinusites e pneumonias, etc.) podem ser a causa da febre.

Quais são os sintomas da convulsão?
A criança apresenta perda dos sentidos, fortes abalos dos braços e pernas, salivação excessiva, podendo ficar com os olhos vertidos para cima e com a boca roxa. Geralmente a crise dura menos de 10 a 15 minutos, cessando espontaneamente. Após a crise a criança ficará sonolenta, recuperando a normalidade após algum tempo.
O que fazer durante a crise?
Tente manter a calma. É muito importante lembrar-se que apesar de assustadora, a convulsão febril é uma condição benigna. O fundamental é proteger a criança para que não se machuque, colocando-a em uma superfície macia. Vire-a de lado para que a saliva ou alguma secreção saia naturalmente pela boca, evitando que obstrua a sua respiração. Não coloque o dedo ou qualquer objeto na boca da criança. Não há necessidade de puxar a língua da criança, podendo inclusive a pessoa ter seus dedos mordidos durante essa tentativa. Tente medir a febre, saber se a crise ocorreu em vigência de febre é muito importante para o pediatra.
Que exames são necessários realizar nas crianças?
Se for a primeira crise, leve a criança para o pronto-socorro para ser examinada e se necessário, realizar exames para identificar o que motivou a febre. Na maior parte das vezes exames simples são suficientes. Em casos específicos pode ser necessária a realização do exame do líquor. A tomografia ou ressonância do crânio de maneira geral não são necessárias.
A crise convulsiva febril pode se repetir?
Em até 70% dos casos, só ocorrerá uma vez. Quando ocorre de forma mais prolongada e em crianças menores de 1 ano, terá maior chance de se repetir. Nas crianças que já apresentaram convulsão febril, será importante identificar precocemente os episódios febris e medicá-los rapidamente.
Como evolui a convulsão febril?
A convulsão febril benigna, como o próprio nome diz, tem boa evolução. Não causa qualquer atraso do desenvolvimento, prejuízo na inteligência ou sequela neurológica. Menos de 1% das crianças poderão evoluir com epilepsia no futuro, principalmente naqueles casos que apresentem histórico de convulsões na família.
O pediatra saberá fazer as orientações adequadas, solicitando exames e/ou encaminhando ao neurologista quando necessário.


O conteúdo foi desenvolvido pelo Dr. Marco Aurélio Safadi (CRM: 54792), parceiro da NUK e professor de Pediatria da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo e coordenador da Equipe de Infectologia Pediátrica do Hospital Sabará.
Sobre a NUK (www.nuk.com.br)
Presente no mercado desde 1956, a NUK ajuda a promover o crescimento saudável dos bebês com produtos seguros, simples e que estimulem seu desenvolvimento. A empresa foi fundada por dois renomados odontopediatras na Alemanha. A marca trabalha com uma equipe de especialistas nas áreas de pediatria, odontologia, nutrição e ciência para criar os melhores produtos para bebês no mundo todo.
A combinação da expertise médica da NUK e o conhecimento das mamães, maiores especialistas no assunto, faz com que os produtos sejam cuidadosamente projetados para estimular o desenvolvimento do bebê, com produtos inovadores, de fácil uso e excelente qualidade para auxiliar e beneficiar mães e bebês.

Pom Pom apresenta vídeos para preparar um chá de fraldas sem erros

|
Marca se aproxima das mães de primeira viagem com dicas e tutoriais para ajudar na organização completa desse momento especial


Preparar o chá de fraldas do bebê que está chegando é um dos momentos mais especiais para os papais. Mais do que uma festa, é uma oportunidade de dividir com pessoas queridas todas as expectativas de um dos momentos mais inesquecíveis na vida do casal. Para contribuir com algumas dicas na decoração da festa, Pom Pom, marca referência em cuidados infantis, desenvolveu em parceria com a blogueira Marina Breithaupt, do blog Petit Ninos, cinco vídeos tutorias com temas diversos para fazer um chá de fraldas sem erros.

Afinal, montar uma festa com barrigão, mesmo com ajuda do papai e das amigas, não é uma tarefa fácil, por isso, Pom Pom traz o passo a passo para a criação de bolos e cupcakes para a hora da revelação, lembrancinhas e buquê de fraldas.

Pom Pom sabe que ser mãe não é uma das tarefas mais fáceis, mas que o caminho fica melhor a cada dia com a própria experiência. A marca está presente em todos os momentos do cuidado infantil, na troca de fraldas, passando pelo banho e o pós-banho. Todos os produtos da marca podem ser encontrados em farmácias, drogarias e supermercados de todo o país.

Você pode conferir todos os vídeos na página da Pom Pom no YouTube: youtube.com/pompomfraldas


Bolo de fraldas


Balão de Fraldas


Buquê de Fraldas


Lembrancinhas


Hora da Revelação


Sobre Pom Pom
Pom Pom é referência em cuidados infantis desde 1968. Seu portfólio conta com produtos que oferecem proteção, cuidado e conforto total ao bebê. Os produtos são hipoalergênicos e dermatologicamente testados, diferenciais que certificam sua qualidade. As fraldas descartáveis estão disponíveis nas versõesPom Pom Colo de Mãe, Pom Pom Protek Proteção de Mãe ePom Pom Recém Nascido Amor de Mãe. A linha Colo de Mãeoferece até 14h de absorção e é a primeira com tecnologia antiodor da categoria. Para crianças de 15 kg a 24 kg, Pom Pom também oferece a variante Grandinhos, disponível na linha Protek Proteção de Mãe. A marca conta ainda com uma linha completa de produtos para auxiliar as mamães em todos os momentos: nas trocas de fraldas, com toalhinhas umedecidas e creme preventivo de assaduras, na hora do banho, com shampoos e condicionadores, sabonetes em barra e em espuma e no pós banho, com spray desembaraçante, talco e colônia.

Sapeka relança linha de fraldas com novo visual para os personagens

|
A marca renova seu portfólio com cores mais vibrantes nas embalagens e com a turminha Sapeka mais carismática e moderna

Com objetivo de atender às principais necessidades de mamães e papais, Sapeka – a primeira marca de fraldas no ranking dos lares do Norte e Nordeste* – relança sua linha de fraldas para oferecer mais benefícios: a nova Sapeka “Justinha” foi desenvolvida para o bem-estar do bebê, com materiais de alta qualidade e o melhor custo benefício. A linha conta com novo formato anatômico, que se ajusta perfeitamente ao corpinho do bebê, fitas tictac® que abrem e fecham quantas vezes forem necessárias, super gel absorvente, barreiras anti-vazamento, novas estampas exclusivas de acordo com o tamanho e fraldas com maior faixa de peso, ou seja, mais economia para o bolso dos papais. A embalagem também foi repaginada com cores mais vibrantes e um visual mais moderno e carismático para os personagens: Kiko, Kika, Neko, Saka e Lika.
Para Marina Inserra, Diretora Executiva de Marketing de Sapeka, o relançamento da marca vai oferecer ainda mais qualidade no mercado de higiene infantil para os pais que buscam produtos com boa performance e preço justo. “Sapeka é uma marca alegre, divertida e muito querida, principalmente, no Norte e Nordeste do País. Ela criou um sentimento de identidade e sinergia com essas regiões e os consumidores não abrem mão de incluí-las em suas compras”*, explica a executiva. 

Os produtos Sapeka são testados dermatologicamente e estão disponíveis nas principais drogarias e supermercados do país. Para conhecer mais sobre os benefícios e diferenciais da linha, acesse o site www.fraldassapeka.com.br ou o Facebookhttps://www.facebook.com/SapekaFraldas.

Preço médio sugerido: 
Pacote Regular: R$ 4,99
Pacote Prático: R$ 13,99
Pacote Mega: R$ 23,99
Pacote Hiper: R$ 45,99

SAC SAPEKA: 0800 011 11 45

Como Lidar com as Birras e Chiliques

|
Ola mamães, como estão? Gente cada dia tem sido mais difícil para passar por aqui, minha rotina é dura, acordo levo pequeno pra escola, depois volto me arrumo pra ir trabalhar, vou na casa da baba levar a bolsa dele e depois trabalhar, só chego em casa de novo as 19h, e ai é casa pra arrumar, comida pra fazer, tarefa pra ensinar, e confesso que estamos numa fase muito complicada, esses dias surtei, chorei entrei em desespero, Bernardo está na fase das birras e dos chiliques, e as vezes chego tão cansada e acabo perdendo a paciência.
Sei que é normal, entre as crianças de 1 e 3 anos, mais as vezes me pergunto onde estou errando, o que fazer, pois fico perdida. Então andei pesquisando muito, e venho compartilhar com vocês algumas dicas que estou praticando por aqui e que espero que dê certo, antes que eu enlouqueça. rs



1º- Faça de tudo para não perder a calma ( quase impossível por aqui)

Respire fundo. Claro que os ataques de birra dos pequenos não são uma coisa bonita de se ver. 
Além de chutar, gritar ou socar o chão, seu filho pode jogar coisas, bater ou prender a respiração até ficar roxo. Nessa hora, ele não escutará nenhuma "voz da razão".
Uma tática que pode funcionar é ficar perto do seu filho durante o chilique. Sair da sala ou do quarto e deixá-lo sozinho -- por mais tentador que seja -- pode fazê-lo se sentir abandonado. 
A tempestade de emoções que tomou conta da criança pode ser assustadora para ela, e ela gostará de saber que há alguém por perto. 

2º - Não ceda ao chilique

Tente não se preocupar com o que os outros pensam: todo pai e mãe já passaram por isso. Se você ceder, só vai ensinar ao seu filho que espernear é um bom jeito de conseguir o que quer.
Além disso, seu filho já está assustado por estar fora de controle, e a última coisa que ele precisa é sentir que você também está sem controle. 
Se a birra aumentar a ponto de ele bater nas pessoas ou nos animais de estimação, jogar coisas ou gritar sem parar, leve-o até um lugar seguro, como o quarto. Explique por que ele está lá ("Você bateu na tia Maria") e deixe-o saber que você ficará com ele até ele parar.


3º - Converse com a criança quando o chilique passar

Quando a tempestade passar, converse com seu filho sobre o que aconteceu. Diga que você entendeu a frustração dele, e ajude-o a colocar os sentimentos em palavras, dizendo algo como: "Você estava muito bravo porque sua comida não era como você queria".
Deixe-o perceber que, se ele usar palavras para se expressar, vai conseguir resultados melhores. Diga, por exemplo, com um sorriso: "Desculpe por não ter entendido. Agora que você não está mais gritando, consigo saber o que você quer". 


4º - Deixa claro para a criança que você a ama

Assim que seu filho estiver calmo e você tiver chance de conversar com ele sobre o chilique, dê um abraço e diga que o ama. 
É importante recompensar o bom comportamento, incluindo quando a criança consegue se acalmar e falar com você sobre o que a deixou irritada. 

5º - Evita as situações que favoreçam os ataques de birras

Tente evitar situações que possam levar seu filho a ter um chilique, embora nem sempre isso seja possível de prever. Por exemplo, se ele é do tipo que fica muito mal-humorado quando está com fome, carregue pequenos lanches. Se ele tem problemas na transição de uma atividade para outra, avise-o com antecedência.
Alerte-o de que vocês estão prestes a jantar ("Nós vamos comer quando você e papai terminarem de ler essa história"), o que lhe dará chance de se preparar. 
Nessa fase, seu filho também está às voltas com a independência, então lhe dê a chance de fazer escolhas sempre que possível. Ninguém gosta de receber ordens a todo instante.
Perguntar se ela quer cenoura ou milho, em vez de simplesmente mandá-la comer milho, dá à criança uma sensação de controle da situação. 

6º - Fique de olho em sinais de estresse

Embora ataques e chiliques diários sejam normais quando a criança tem entre 1 e 3 anos, você precisa ficar de olho em possíveis problemas. 
Pense se houve algum problema sério na família, uma fase de muita correria na vida de todos, se há tensão entre a mamãe e o papai. Tudo isso pode causar esse tipo de comportamento.
Se seu filho tem mais de 2 anos e meio e continua tendo altos ataques de birra todos os dias, converse com o pediatra. 
Se a criança for mais nova, mas tiver de três a quatro ataques por dia e não cooperar em nenhuma das atividades diárias, como se vestir ou guardar os brinquedos, também pode ser o caso de procurar outro tipo de ajuda.

Bom mamães, alguém tá passando por isso, tem alguma dica?

Espero me ajudar e ajudar vocês também com essas dicas!

Beijos grandes!

Merthiolate é grande aliado no cuidado de pequenos ferimentos

|



Quedas, arranhões e pequenos cortes ocorrem com frequência no ambiente doméstico, principalmente em crianças. Esses acidentes cotidianos podem ser amenizados se tratados corretamente: a limpeza e os cuidados básicos são importantes para não gerar infecções, não contaminar a pele com fungos, bactérias ou vírus que podem causar doenças mais graves. Merthiolate, medicamento líder* para assepsia de cortes, machucados e lesões na pele, é um grande aliado dos pais nessas horas, pois possui uma solução clara, incolor, inodora e age especificamente sobre as bactérias, dificultando a sua proliferação.

É importante estar atento ao tipo de ferida que ocorre na pele. Se o machucado apresentar inchaço, presença de pus ou fluidos amarelados e esverdeados, pode estar infeccionado. É natural que cortes tenham a presença de fluídos e de sangue, no entanto, eles devem ser claros e finos para que apenas o tratamento caseiro seja eficiente. A presença de secreções grossas e de cor forte podem ser um sinal de alerta. Também deve-se ficar atento à existência de febre ou mal-estar. Caso haja sinais de infecção, um médico deve ser consultado para o tratamento adequado.

Para arranhões e cortes não muito profundos, Merthiolate oferece ao mercado dois tipos de soluções – o Frasco de 30mL e o Spray de 45mL. Ambos podem ser utilizados diretamente na área afetada, e, caso seja necessário, o produto pode ser aplicado de 3 a 4 vezes por dia. Para proteger a lesão o uso de gaze ou outros curativos também podem contribuir na cicatrização. Para quem preferir utilizar o Spray, antes da primeira utilização é necessário acionar a válvula cinco vezes para que haja a saída do produto, e é preciso manter uma distância de 5 a 10 cm do local ferido.

SE PERSISTIREM OS SINTOMAS O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO

Sobre Merthiolate

Merthiolate é um medicamento isento de prescrição, de uso tópico, indicado para a assepsia de cortes, machucados e lesões na pele, com a função de eliminar bactérias e prevenir ou evitar infecções. Indicações: Na assepsia da pele e de feridas de pequenas extensões. MS: 1.7817.0086

Alimentação : 2 a 3 anos

|
Oie mamães, como estão? Por aqui estamos ótimos graças a Deus, Bernardo muito sapeca quase me enlouquecendo, mais conto em outro post.
Hoje vou falar sobre a alimentação dos nossos pequenos.

A partir dos 02 aninhos, nossos pequenos já são capazes de comer as mesmas comidas que os adultos. Temos que continuar variando as cores, os sabores e as texturas do que serve pra ele, é uma boa oportunidade de melhor a alimentação dos adultos da casa.


Guia Pratico para alimentar seu filho:

O que oferecer:
- Leite Integral (tipo A) ou semidesnatado (tipo B), dependendo do biotipo de cada criança e da orientação do pediatra.
- Outros derivados de leite (queijo derretido ou em pedaços ; iogurte integral ou desnatado ; requeijão , pudins e sobremesas lácteas);
- Cereais fortificados com ferro (matinais ou em forma de mingau);
- Grãos e carboidratos (pães brancos e integrais, bolachas, torradas , arroz, macarrão , bolo simples);
- Todas as frutas, frescas , na forma de sucos ou como ingredientes de sobremesas e bolos caseiros;
- Frutas secas deixadas de molho na água até ficarem moles;
- Hortaliças cruas ou cozidas (salada, tomate, chuchu, espinafre, brocolis , couve flor etc.);
- Proteína (ovos, carne de frango, boi ou porco picada ou moída, peixe sem espinho , feijão , figado e miudos, creme de amendoim);
- Comidas mais sofisticadas como lasanha, pizza, estrogonofe etc;
- Sucos de frutas e hortaliças.

Quanto de cada coisa por dia:
Uma porçao de alimentos para uma criança desta idade equivale a cerca de 1/4 da porção para um adulto.
- Laticínios : 02 a 03 porções por dia ;
- Grãos e carboidratos : 6 porções por dia;
-Frutas :2 a 3 porções por dia;
- Hortaliças : 2 a 3 porções por dia;
- Proteína : 02 porções por dia.

Bom por hoje , é isso, por aqui Bernardo come super bem, espero ajudar as mamães com essas informações.

Beijos grandes, ótima semana!!


Quanto mais colorido, melhor!

|


Você já deve ter lido ou ouvido que quanto mais colorido o seu prato, melhor. Mas você sabe o porquê?
Cada nutriente está relacionado a um pigmento ou cor. A alimentação saudável inclui variedade, equilíbrio e moderação, ou seja, quanto mais colorido o prato, maior variedade de nutrientes consumidos naquela refeição.
Os alimentos estão divididos em grupos de cores e cada grupo apresenta uma composição de vitaminas, minerais, e substâncias bioativas e antioxidantes.
Como exemplos, temos os alimentos do grupo vermelho e alaranjado como cenoura, abóbora, mamão, damasco, tomate, entre outros, que contêm carotenoides. O beta caroteno (precursor da vitamina A) da cenoura e da abóbora está relacionado à saúde ocular, ao sistema imunológico e, assim como o licopeno do tomate, tem ação antioxidante. Também auxiliam no processo de cicatrização
Já a berinjela, o repolho roxo, as uvas e berries (amora, framboesa, etc.) contêm as antocianinas, outro tipo de antioxidante que também possui função antiinflamatória. São alimentos ricos em magnésio.
Vegetais crucíferos como brócolis, couve de bruxelas, repolho e couve contêm glucosinolatos que além da ação antioxidante também são ricos em substâncias que parecem ter alguma função na prevenção do câncer. Formam o grupo verde-escuro e branco.
O grupo marrom é formado por cereais integrais e sementes como nozes e castanhas e são ricos em fibras alimentares e vitaminas do complexo B.
Fonte: Departamento de Nutrição da ABESO: Mônica Beyruti e Renata Bressan

Acesse o link do Portal da ABESO: www.abeso.org.br/dica/quanto-mais-colorido-melhor-